A importância da seleções de conteúdos

Antes de iniciar o texto eu gostaria de lhe propor a seguinte dinâmica: imagine que você está descontente com a linha do celular e decide ligar para a operadora. Mas, em vez da atendente ouvir as suas reais necessidades para solucionar o problema, ela te bombardeia com informações a fim de induzir um aumento de serviços no pacote telefônico.

O motivo de eu ter escolhido esta introdução é simples: a conscientização de que situações como esta são muito comuns em treinamentos corporativos. Ou seja, existem profissionais tão apegados a área de atuação que tendem a inserir em uma única seção tudo o que sabem sobre determinado assunto.

E, qual é o dilema neste tipo de atitude? Uma solução de aprendizagem que resulta na diminuição de engajamento dos colaboradores e por consequência no baixo desempenho do time.

Reflita.

Quem participa de uma ação de treinamento deseja internalizar conteúdos que farão a diferença no ambiente de trabalho. Portanto, é necessário realizar uma curadoria criteriosa dos dados apresentados.

Conhecendo o Canvas DI-Tarefas  

De acordo com a idealizadora do Trahentem®, Flora Alves, uma boa escolha de conteúdo é norteada pelo aprendiz. “Além de optar por disponibilizar a essência de cada tema, é fundamental que o designer instrucional tenha em mente as necessidades de conhecimento do funcionário e os caminhos ideais para aplicá-lo. Esta iniciativa o ajuda a entender exatamente o que ele deve fazer. Já a organização contará com uma performance melhor”, afirma.

Por esta razão, Flora desenvolveu o Canvas DI-Tarefas dentro do Trahentem® – metodologia ágil para a elaboração de soluções de aprendizagem tem a função de auxiliar a construção de um objetivo específico que guiará a curadoria das informações trabalhadas no treinamento.

“Em uma única imagem é possível identificar as tarefas que o colaborador executa e quais as competências necessárias para a execução delas. Então, o Canvas nada mais é do que um meio de analisar os passos a serem trilhados pelo participante para que se atinja o desempenho esperado”, explica a especialista.

Outra opção proporcionada pelo DI-Tarefas é a especificação detalhada do local em que a solução de aprendizagem será implantada. Afinal, esta etapa impacta na adoção dos métodos de entrega. Por fim, aqueles que ainda não tem uma solução totalmente definida, a iniciativa ajuda a lapidar o objetivo.

O que achou da novidade? Para mais informações, acesse https://canvastrahentem.com.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *